EXIJA QUE A ONU PROTEJA AS MINORIAS CRISTÃS

O Estado Islâmico comeceu crimes de guerra e contra a humanidade

 

EXIJA QUE A ONU PROTEJA AS MINORIAS CRISTÃS

0200,000
  198,344
 
198,344 people have signed. Help us reach 200,000 signatures.

EXIJA QUE A ONU PROTEJA AS MINORIAS CRISTÃS

Neste mês de setembro, o Conselho de Segurança das Nações Unidas se reunirá. É um momento propício para exigir medidas adequadas e efetivas para frear a intolerância irracional e o barbarismo do chamado ‘Estado Islâmico’.

No Iraque, o islamismo radical tem perpetrado genocídio, crimes contra a humanidade e crimes de guerra. As minorias foram vítimas dessa violência.

Na Síria, o governo e as ONGs têm sido negligentes em suas funções e permitiram a ocorrência das mesmas atrocidades

Na Líbia, os grupos filiados ao Estado Islâmico atacaram as minorias religiosas e destruíram templos e lugares religiosos.

Cerca de 420.000 yazidis foram desolados de seus lares e agora vivem em campos de refugiados do Curdistão, Síria e Turquia.

Além disso, centenas de meninas foram vendidas como escravas sexuais por apenas 18 dólares.

Supostamente, a ONU está desenvolvendo um plano de ação para prevenir a violência extremista e proteger as minorias religiosas. Supostamente, o plano seria lançado neste mês de setembro.

Houve também declarações contundentes por parte da comunidade internacional. No dia 27 de março, o Conselho de Segurança disse que se deve “frear a loucura”, depois das evidências de que o terrorismo ameaçava a diversidade cultural e religiosa no Oriente Médio. O secretário geral também afirmou o seguinte:

Os membros deste Conselho -  e todos aqueles com influência – devem ajudar as pessoas dessa região a manterem sua histórica diversidade cultural e dinamismo (...) Condeno em termos extremos toda forma de perseguição ou violação do direito à vida e à integridade física de indivíduos e comunidades...

Até o Alto Comissionado para os Direitos Humanos, Zeid Ra’ad Hussein, chegou a afirmar que o Estado Islâmico era uma “abominação”.

Agora é o momento de passar das palavras aos atos. Por isso estamos pedindo ao Conselho de Segurança da ONU três coisas muito concretas:

  • Que elaborem, promovam e mantenham medidas concretas e claras para defender e proteger as minorias religiosas no Oriente Médio. Que se adote o Plano de Ação anunciado para este mês de setembro pelo secretário geral, em defesa dos direitos humanos e a liberdade religiosa das minorias onde o Estado Islâmico perpetrou verdadeiros massacres e crimes contra a humanidade.
  • Que promovam e adotem um marco legal que inclua sanções e apelações à Corte Penal Internacional.
  • Que aprovem medidas que possam frear a ajuda financeira e o tráfico de armas ao Estado Islâmico e aos grupos filiados a ele.

É assim que as crianças descrevem o horror do genocídio cristão 

A vida no Iraque antes do Estado Islâmico

A chegada do Estado Islâmico

A vida dos refugiados hoje, em uma paróquia católica

This petition has been created by a citizen or association not affiliated with CitizenGO. CitizenGO is not responsible for its contents.
+ Letter to:

Sign this petition now!

 
Please enter your email
Please enter your first name
Please enter your last name
Please enter your country
Please enter your postcode
Please select an option:

Medidas eficazes para proteger as minorias religiosas

Aos membros do Conselho de Segurança

Peço-lhes que em sua próxima reunião, neste mês de setembro, adotem as seguintes medidas:

  • Que elaborem, promovam e mantenham medidas concretas e claras para defender e proteger as minorias religiosas no Oriente Médio. Que se adote o Plano de Ação anunciado para este mês de setembro pelo secretário geral, em defesa dos direitos humanos e a liberdade religiosa das minorias onde o Estado Islâmico perpetrou verdadeiros massacres e crimes contra a humanidade.
  • Que promovam e adotem um marco legal que inclua sanções e apelações à Corte Penal Internacional.
  • Que aprovem medidas que possam frear a ajuda financeira e o tráfico de armas ao Estado Islâmico e aos grupos filiados a ele.

---

  • to elaborate, promote and sustain the approval of clear and concrete measures, as well as the adoption of the Action Plan proposed by the Secretary-General in defence of human rights, religious freedom of minorities in the area where ISIS terrorists have perpetrated massacres;
  • to promote the adoption of a legal framework including sanctions and referrals to the International Criminal Court;
  • to approve measures to stop financial support and the trade of weapons to ISIS-affiliated groups.
[Your Name]

EXIJA QUE A ONU PROTEJA AS MINORIAS CRISTÃS

Sign this petition now!

0200,000
  198,344
 
198,344 people have signed. Help us reach 200,000 signatures.