TIREM O BEBÊ ALFIE EVANS DO HOSPITAL INFANTIL ALDER HEY

Petição dirigida ao hospital Alder Hey

 

TIREM O BEBÊ ALFIE EVANS DO HOSPITAL INFANTIL ALDER HEY

0500.000
  287.292
 
287.292 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 500.000 assinaturas.

TIREM O BEBÊ ALFIE EVANS DO HOSPITAL INFANTIL ALDER HEY

Os pais de Alfie estão lutando para salvar a vida dele. Você quer ajudá-los?

Alfie é um bebê de dezenove meses que tem uma doença não diagnosticada. Porém, isso não é impedimento para que o Hospital Infantil Alder Hey, na Inglaterra, queira remover os aparelhos que o mantêm vivo. O caso de Alfie é muito parecido com o do bebê Charlie Gard, ocorrido no ano passado. Este é mais um caso em que a comunidade médica e o sistema legal do Reino Unido desrespeitam o direito dos pais a tomar decisões médicas em função do bem-estar de seu filho.

Os pais de Alfie, Tom Evans e Kate James, querem seguir diversas recomendações médicas a fim de obter um diagnóstico preciso, sem o qual é quase impossível determinar a situação clínica de Alfie a longo prazo. Eles também solicitaram inúmeras vezes a realização de uma traqueostomia – solução padrão de longo prazo – para que Alfie pudesse respirar de modo mais confortável. No entanto, o hospital recusou o pedido que os pais fizeram para que Alfie fosse transferido para outra unidade hospitalar, bem como os pedidos de realização de outras intervenções médicas. Em vez ajudar os pais de Alfie e respeitar o desejo deles, o hospital fez um pedido à Suprema Corte para que um estranho se responsabilizasse pela representação de Alfie no tribunal, com o objetivo de remover os aparelhos que mantêm o bebê vivo.

De acordo com o jornal National Catholic Register, “alguns hospitais analisaram a situação de Alfie e aceitaram recebê-lo, mas novamente as autoridades médicas britânicas se recusam a permitir a transferência, alegando que ela ‘não está livre de riscos’. A equipe que cuida de Alfie afirma que os riscos são ‘mínimos e perfeitamente controláveis graças às ultramodernas técnicas de transporte’. Além disso, já contataram três empresas especializadas em transporte de pacientes que estão dispostas a realizar o serviço em apenas dois dias”.

Participe desta campanha para pedir ao hospital Alder Hey que permita a transferência do bebê Alfie. Se o hospital não tem interesse em dar seguimento ao caso de Alfie, ao menos os pais dele têm o direito de buscar em outros hospitais a possibilidade de realizar um diagnóstico preciso para o caso do bebê.

Assine a petição para enviar um e-mail ao hospital Alder Hey. Faça com que eles vejam que a comunidade internacional está acompanhando o caso.

Esta petição foi criada por um cidadão ou uma organização independente de CitizenGO. Por essa razão, CitizenGO não é responsável por seu conteúdo.
+ Letter to:

Assine esta petição agora!

 
Please enter your first name
Please enter your last name
Please enter your email
Please enter your country
Please enter your zip code
Ao assinar você aceita os termos de uso da CitizenGO e sua política de privacidade, e aceita receber mensagens de e-mail sobre nossas campanhas. Você pode cancelar seu cadastro na lista a qualquer momento.

Libertem Alfie Evans

Prezados responsáveis pelo hospital Alder Hey,

Deixem que os pais de Alfie Evans transfiram seu filho para outro hospital.

Alfie ainda não tem um diagnóstico preciso sobre sua situação e sem ele fica difícil determinar qual será seu quadro médico a longo prazo. Alfie responde aos estímulos dos pais e de outras pessoas e não está em estágio terminal. Remover os aparelhos que o mantêm vivo, provocando assim sua morte, é algo completamente desnecessário e desumano, já que ainda há outras opções para o tratamento dele.

Por favor, respeitem o desejo dos pais de Alfie e permitam que eles transportem Alfie para outro hospital!

Atenciosamente,
[Seu nome]

TIREM O BEBÊ ALFIE EVANS DO HOSPITAL INFANTIL ALDER HEY

Assine esta petição agora!

0500.000
  287.292
 
287.292 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 500.000 assinaturas.